Observações sobre tudo e sobre coisa nenhuma
25.11.10

Ainda que a SIC não tenha a capacidade financeira de fazer um programa sobre as votações (como acontece no American Idol) acho que a apresentação constante do resumo dos ensaios com os números para votar, iniciando as votações antes das actuações, é injusto e incorrecto. No entanto, já sabemos que estes programas vivem de € e publicidade e com as chamadas deve pingar uma quantia jeitosinha. Por outro lado, como as pessoas votam em quem gostam e não em quem canta melhor - a última gala foi disso exemplo com o Neemias a manter-se no programa, quando foi o pior - para o canal isso pouco importa.

 

Esta gala com o tema Música do Mundo não terá sido bem entendida por todos os concorrentes. Os que corresponderam ao tema foram a Joceline (não compreendi ser uma das menos votadas), a Sandra (cada vez mais atenta a esta moçoila), o Neemias (apesar da prestação não ter sido grande coisa) e o Martim. Quanto a este rapaz, acho que é o mais maduro e culto musicalmente, e confesso estar curiosa para o ouvir em inglês.

Os jurados baralham as pessoas, umas vezes querem que os concorrentes cantem em português porque é para serem artistas em Portugal; agora têm alguém que até agora só cantou música portuguesa e o discurso é o inverso! Compreendo que o queiram ouvir em registos diferentes mas, ó malta, organizem-se!

 

tags: ,
sinto-me: crítica musical
link do postPor costela de adão, às 19:33  para dizerem algo

Pesquisar neste blog
 
mais sobre mim
Novembro 2010
D
S
T
Q
Q
S
S

1
2
3
4
5
6

7
8
9
10
11
12
13

14
15
17
18
19
20

21
22
23
24
26
27

28
29
30


arquivos
links
A Passear no Paraíso