Observações sobre tudo e sobre coisa nenhuma
29.1.12

No seguimento do post abaixo, o último filme de Woody Allen, Meia-Noite em Paris, mostra de forma ligeira e divertida, como somos uns eternos insatisfeitos, algo que remonta a séculos. A época em que vivemos tem sempre menos charme, menos interesse, menos para nos dar do que passados que não vivemos, mas com os quais sonhamos.

Além de ser um bom filme, com uma estória interessante (há que ter uma mente aberta) localizar a acção numa cidade tão bonita comoParis é um magnífico bombon.

 

 

 

 

 

sinto-me: oh la la
link do postPor costela de adão, às 19:41  para dizerem algo

Sempre ouvimos dizer "a galinha da vizinha é melhor do que a minha". No entanto, não raras vezes deve acontecer que a galinha é igual ou talvez pior do que nossa. Temos uma tendência para achar que o que os outros têm será melhor do que o que temos. Em relação a locais de trbalho, não raras vezes ouvimos colegas a considerar que "lá fora" será melhor. Critica-se o lugar onde estamos como se aquilo que não conhecemos fosse bem melhor, um lugar onde não existem chefes com pouca liderança, capacidade de motivação, colegas menos simpáticos e difíceis de lidar. Como se outro lugar fosse cor-de-rosa. Talvez seja, cor-de-rosa como o lugar onde estamos é aos olhos dos outros. Não existem paraísos e em todos os lugares existem problemas, nada é perfeito mas há que saber olhar o lado bom daquilo que conhecemos, que, a ver bem, talvez não seja tão pequeno assim.

 

 

link do postPor costela de adão, às 19:32  para dizerem algo


Pesquisar neste blog
 
mais sobre mim
Junho 2012
D
S
T
Q
Q
S
S

1
2

3
4
5
6
7
8
9

10
11
12
14
15
16

17
19
20
21
22
23

24
25
26
27
28
29
30


arquivos
links
A Passear no Paraíso